SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

Sesau orienta sobre a importância do aleitamento materno

Imprimir esta Notícia

0a9cdfe742cfce66be6ba00ecf0444f0_L

Repórter: João Victor Barroso
Foto: Carla Cleto

“O recomendável é que as crianças sejam amamentadas até os 2 anos de idade, mas nós primeiros 6 meses de vida o leite materno deve ser o seu único alimento dos bebês”. A recomendação é da nutricionista da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Yana Melo, e acontece às vésperas da Semana Mundial de Aleitamento Materno, que terá início nesta segunda-feira (1º).

Ainda de acordo com ela, “o leite materno é o alimento mais completo que existe, por conter todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento do sistema imunológico do bebê. Ele previne o aparecimento de diversas doenças, além de ajudar no desenvolvimento da arcada dentária durante a sucção”, disse a técnica.

Yana Melo evidencia que os benefícios não são exclusivos para as crianças, uma vez que a amamentação também gera benefícios às mães. “Além de criar os primeiros laços afetivos entre mãe e filho, a amamentação previne que as mulheres desenvolvam câncer de mama e ovários, além de contribuir para que o útero retorne ao tamanho normal em menos tempo”, afirma.

Semana Mundial – A Semana Mundial de Amamentação representa uma iniciativa que tem o intuito de conscientizar à população e profissionais de saúde sobre a importância do aleitamento materno tanto para as mamães como para os bebês.

A campanha é celebrada desde 1992 em mais de 150 países, por meio da Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno, órgão ligado ao Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). Esse ano o tema será “Aleitamento materno: presente saudável, futuro sustentável”.

No último dia da campanha, 07 de agosto, será realizado um “Mamaço” em todo o País, estimulado pelo Ministério da Saúde. Em Alagoas a ação vai ocorrer no Parque Shopping Maceió, no bairro Cruz das Almas, a partir das 14h.

relacionadas

CIB