SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

UE do Agreste aposta na música para recuperar pacientes

Imprimir esta Notícia

Repórter: Davi Salsa

Repórter Fotográfico: Davi Salsa

O silêncio tradicional das enfermarias está sendo substituído, uma vez por semana, pelos acordes do violão e pelas vozes melodiosas de médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, assistentes sociais e psicólogos na Unidade de Emergência Daniel Houly, em Arapiraca.

Por meio de iniciativa do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP), além dos cuidados médicos, os profissionais de saúde estão levando música, alegria e mensagens de otimismo para os pacientes internados nas enfermarias do hospitalar.

A Unidade de Emergência do Agreste pertence à rede hospitalar mantida pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), e a maior referência no atendimento a vítimas de traumas de alta e média complexidade no interior de Alagoas.

Segundo revela a coordenadora do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP), enfermeira Elisângela Lira, o projeto de musicoterapia faz parte do trabalho conjunto de humanização que está sendo adotado no ambiente hospitalar.

Em junho deste ano, o grupo de profissionais de saúde lançou projeto piloto para realizar os desejos dos pacientes internados nos leitos das enfermarias da Unidade de Emergência do Agreste.

Denominada “O que mais importa para você”, a campanha conta com total apoio da direção, servidores e de todos os setores do hospital. “Como extensão dessa campanha, decidimos agora direcionar esse projeto para as enfermarias, com o objetivo de levar música e proporcionar mais alegria para as pessoas que estão internadas, e fazendo com que os pacientes tenham autoestima elevada e uma recuperação melhor e mais rápida”, explica.

O agricultor José Procópio Oliveira, de 38 anos de idade, e residente na cidade de Maravilha, no Sertão de Alagoas, aprovou a iniciativa juntamente com outros pacientes do hospital. Vítima de um acidente com motocicleta, ele está internado há duas semanas na UE do Agreste, em Arapiraca.

José Procópio ficou bastante emocionado e não conteve as lágrimas de emoção e alegria, durante a apresentação musical da equipe do hospital. “É muito gratificante, para mim, poder participar de um projeto tão lindo e solidário”, declarou a técnica de enfermagem Erinalda Santos.

relacionadas

CIB