SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

Socorristas do Samu concluem curso de Suporte Básico de Vida

Imprimir esta Notícia

 

Repórter: João Victor Barroso

Repórter Fotográfico: João Victor Barroso

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Alagoas, por meio do Núcleo de Educação Permanente da Central Maceió, concluiu o curso de suporte básico de vida para os profissionais das 16 bases descentralizadas do Samu Maceió. A capacitação foi encerrada com o terceiro módulo do curso, nesta terça-feira (4), no auditório do Samu Maceió.

Neste módulo final, 46 técnicos de enfermagem e condutores socorristas tiveram aulas teóricas abordando temas de atendimento a múltiplas vítimas, atendimento pré hospitalar com o paciente queimado, emergências aquáticas, ferimentos com arma de fogo e arma branca e como deve ser feita a abordagem com segurança do helicóptero do Samu.

Segundo Arnon Alves, coordenador médico do NEP do Samu Maceió, os profissionais que concluem o primeiro módulo do curso já está apto pelo Ministério da Saúde a atuar no Samu, e na continuidade da capacitação aprimorando os conhecimentos.

“Nessa parte final, com as aulas teóricas e práticas, iremos avaliar como está sendo o atendimento prestado por esses socorristas no interior do Estado, tirando as duvidas trazidas por eles e orientando da melhor forma para que todos prestem um serviço de qualidade para a população alagoana”, destacou o coordenador.

Durante a parte prática, os alunos passaram por três estações realizando atendimento a cinco pacientes. Uma situação com o atropelamento de uma criança, onde um casal está indo para a maternidade, e acaba atropelando uma criança e a gestante entra em trabalho de parto.

Em outra situação a vítima levou um choque e caiu de uma altura de aproximadamente oito metros. E as últimas pacientes foram sofreram lesões por arma de fogo e por arma branca após uma discussão em um lava jato.

Por opção pessoal, o técnico de enfermagem Marcelo Pereira, da base descentralizada de Teotônio Vilela, esperou terminar os três módulos para começar as atividades no Samu.

“Agora com o curso completo me sinto mais preparado e capaz para trabalhar no Samu. Com essa capacitação,nós conseguimos nos manter atualizados com as novas técnicas e assim sempre estaremos prestando um atendimento mais humanizado para a sociedade”, disse.

As bases descentralizadas da Central do Samu Maceió são de União dos Palmares, Marechal Deodoro, São Miguel dos Campos, Maragogi, Atalaia, Porto Calvo, Joaquim Gomes, São Luiz do Quitunde, Viçosa, Teotônio Vilela, Rio Largo, Murici, Barra de Santo Antônio, Colônia Leopoldina, São Miguel dos Milagres e Coruripe.

relacionadas

CIB