SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

Sesau recebe Selo Ressocializador por inclusão de reeducandos

Imprimir esta Notícia

 

Repórter: Fabiano Di Pace

Repórter Fotográfica: Carla Cleto

 

“Colaborar com a ressocialização e quebrar o ciclo de violência que assombra diversas famílias alagoanas é uma missão que deve ser abraçada por todos”. Com essas palavras, o secretário de Estado da Saúde, Christian Teixeira, recebeu na noite dessa terça-feira (4), no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió, o Selo Ressocializador.

A honraria foi entregue pela Secretaria de Estado de Ressocialização e Inclusão Social (SERIS) e agraciou gestores públicos e empresas privadas que contribuem com a reintegração de reeducandos a sociedade. Durante a cerimônia, o secretário Christian Teixeira representou o governador Renan Filho.

Na Secretaria de Estado de Saúde (Sesau) trabalham 22 reeducandos, atuando como porteiros e pintores. “São pessoas que recebem uma oportunidade e passam a contribuir positivamente para a sociedade”, destacou o gestor da saúde estadual.

Para se integrar ao programa, a instituição deve assinar um termo de cooperação com a Seris. O reeducando é considerado apto a ingressar quando cumpriu parte de sua pena e já recebeu a progressão para os regimes aberto e semiaberto.

“Ao abrir vagas no mercado de trabalho para essas pessoas, pode-se diminuir drasticamente os índices de reincidência, criando um ambiente propício à ressocialização”, reforçou Christian Teixeira.

Já o gerente administrativo da Sesau, Sydnei Pontes de Miranda, que é responsável pela escala de trabalho dos reeducandos, lembrou que o projeto foi abraçado por todos os demais servidores da Sesau.

“Ao receber essas pessoas com receptividade e respeito, os servidores da Sesau mostraram a importância de ofertar uma segunda chance para todos e vencer a cultura da violência”, declarou Sydnei Pontes de Miranda.

Os reeducandos também foram agraciados com apresentações artísticas da Orquestra do 59º Batalhão de Infantaria Motorizada e da Orquestra de Flauta Doce da cidade de Porto de Pedras. Eles brindaram os participantes do evento com rendições emocionantes de clássicos nacionais e internacionais.

Junto a Sesau, outras 32 empresas e instituições receberam o selo, a exemplo do Corpo de Bombeiros de Alagoas, Defensoria Pública de Alagoas, Pré Moldados LTDA, Bonsono, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), entre outras.

“Estamos honrados em estar ao lado destas instituições que contribuem para a evolução social de alagoanos, que após erros cometidos, buscam o caminho da redenção e do trabalho”, destacou o secretário de Estado da Saúde.

relacionadas

CIB