SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

Sesau faz mais de 1.200 atendimentos na Grota da Alegria

Imprimir esta Notícia

Repórter: Fabiano Di Pace

Repórter Fotográfico: Olival Santos

O Programa Vida Nova nas Grotas continua a levar serviços de saúde para as comunidades carentes de Maceió. Nessa quinta-feira (10) o alvo da iniciativa foi a Grota da Alegria II, localizada no bairro do Benedito Bentes, quando 1.232 atendimentos foram realizados.

Durante a ação foram oferecidos serviços de aferição de pressão arterial e glicose, teste rápido para diagnóstico de sífilis e HIV, além de vacinas para atualização do calendário de imunização.

Durante a ação, a população também pode assistir palestras sobre saúde bucal e Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) e sobre o perigo das drogas. “Levar conhecimento para as comunidades de Maceió é essencial para o avanço da qualidade de vida de seus habitantes”, destacou Elma Liliane de Araújo, assessora técnica da Secretaria de Estado de Saúde (Sesau).

A técnica da Gerência de Vigilância Epidemiológica da Sesau, Simone Mazzoni, explicou que antes de irem às comunidades, a Sesau realiza um estudo junto à população para avaliar os principais problemas epidemiológicos e demandas do local.

“Foi observada uma grande necessidade de informações sobre a prevenção das Infecções Sexualmente Transmissíveis, além de atualização do calendário vacinal, especialmente em crianças e gestantes”, ressaltou Simone Mazzoni.

A técnica da Gerência de Vigilância Epidemiológica da Sesau destacou que entre as vacinas ofertadas, estão a tríplice viral que protege contra sarampo, caxumba e rubéola. “Existe um esforço nacional para imunização contra o sarampo. Os pais e responsáveis devem procurar os postos de saúde e proteger seus filhos”, reforçou Simone Mazzoni.

Beneficiados – Presente na ação, a jovem Marluce da Silva levou seu filho de 11 anos para ser avaliado pela equipe de saúde bucal da Sesau. “Pude aprender muito sobre prevenção de problemas bucais e ainda tive a oportunidade de contar com a avaliação para meu filho”, ressaltou.

Já André da Conceição, realizou aferição da pressão arterial, fez teste de glicemia capilar e elogiou a iniciativa. “Acredito que é sempre importante que ações assim aconteçam nas comunidades carentes, onde as pessoas realmente precisam de assistência na área da saúde”, salientou.  

relacionadas

CIB