SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

Bloco Carnaval sem Assédio sai neste sábado, na orla de Maceió

Imprimir esta Notícia

Repórter: Marcel Vital

Repórteres Fotográficos: Carla Cleto e Marcel Vital

O Bloco “Carnaval sem Assédio”, da Rede de Atenção às Vítimas de Violência Sexual (RAVVS), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), vai invadir a orla neste sábado, conscientizando que abordagens violentas não fazem parte da paquera, mas, caracterizam importunação sexual. A concentração vai acontecer às 8 horas, em frente ao Hotel Best Western Premier Maceió, no bairro Pajuçara.

O objetivo da iniciativa é lembrar que abordagens violentas, como puxões de braço ou cabelo, beijos forçados ou carícias não autorizadas, não fazem parte da paquera. Esses comportamentos, ao contrário, segundo Amanda Baltazar, assistente social da RAVVS, representam que o autor está praticando um ato criminoso, previsto no Código Penal desde 2018.

“Considerando que no período de Carnaval intensificam-se as denúncias de atos libidinosos, sem consentimento nos locais de festejos, além do crescimento dos relatos de meninas e mulheres que já passaram por esse tipo de situação, estamos promovendo esta ação, para conscientizar que esse comportamento não faz parte da diversão das festas momescas. Temos que nos mobilizar, principalmente nas redes sociais, através da hastag ‘Não é Não’, que vem repercutindo em festas carnavalescas de todo o Brasil”, salientou Amanda Baltazar.

Material Educativo – Durante o desfile do Bloco Carnaval sem Assédio, serão distribuídos aos foliões material educativo, como leques de papel, o objetivo é divulgar os números de apoio nos casos de violência sexual, assim como, adesivos para atrair os jovens a aderirem ao movimento de conscientização.

A Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos do Estado de Alagoas (Semudh) também participará da ação, onde vai estar com o “Ônibus Lilás”, que será utilizado pela equipe da Patrulha Maria da Penha, como ponte de apoio à RAVVS. Os profissionais também irão distribuir material informativo aos foliões.

relacionadas

CIB