Secretaria de Estado
da Saúde

Secretaria de Estado da Saúde
Pesquisar
Close this search box.

Programa Bate Coração é implantado no Hospital Regional da Mata, em União dos Palmares

[print-me target=”#titulo_post, #metadados_post, #texto_post, #rodape_site” /]

Repórter: Ivan Nunes
Repórteres Fotográficos: Carla Cleto e Ivan Nunes

Com a implantação do Bate Coração no Hospital Regional da Mata, moradores da região poderão ser atendidos na unidade em casos de doenças coronarianas

O Programa Bate Coração foi implantado, oficialmente, nesta segunda-feira (1º) no Hospital Regional da Mata (HRM), em União dos Palmares. Com isso, a partir de agora, será reduzido o tempo resposta para atendimento aos pacientes que sejam diagnosticados com infarto, uma vez que a unidade hospitalar foi interconectada, por meio de telemedicina, com a equipe de cardiologistas que atuam no Hospital do Coração Alagoano Professor Adib Jatene.

Isso significa que, ao chegar ao HRM apresentando sintomas de infarto, os médicos da unidade hospitalar irão contatar os cardiologistas do Programa Bate Coração. Após a realização de uma consulta por meio da telemedicina e de exames clínicos e de imagem, caso o diagnóstico do problema se confirme, o paciente poderá ser submetido à trombólise, procedimento fármaco-invasivo, ou a angioplastia primária, que representa o implante de stent.

Ao chegar ao Hospital Regional da Mata com sintomas de problemas cardíacos, paciente será atendido pela equipe do Programa Bate Coração, que irá fechar o diagnóstico por meio da telemedicina

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, médico Gustavo Pontes de Miranda, a implementação do Programa Bate Coração no HRM irá proporcionar vários benefícios para os pacientes, seus familiares e profissionais de saúde. Isso porque, segundo ele, as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte do Brasil, e, com esta estratégia de atendimento, os moradores da Zona da Mata que venham ser acometidos por infarto, serão diagnosticados e receberão o primeiro atendimento na região onde residem, com agilidade e eficiência.

“Com o Bate Coração iremos reduzir diversos impactos sociais e sequelas que afetam os pacientes e suas famílias, uma vez que a detecção precoce de doenças cardíacas e o tratamento rápido do infarto contribuem para reduzir a mortalidade e a incidência de sequelas graves. Além destes benefícios para os pacientes, o programa também contribui para integrar as unidades de saúde, assegurar o suporte especializado e uma assistência mais eficiente e personalizada”, frisou Gustavo Pontes de Miranda.

A supervisora de Enfermagem do Hospital Regional da Mata, Anália Cristina, salienta que o Programa Bate Coração vai agilizar o atendimento aos moradores da região acometidos

Primeiro Paciente


E com a implantação do Bate Coração no HRM, o primeiro paciente com sinais de infarto já foi atendido na unidade hospitalar. Com isso, o nível de agilidade da Supervisão de Emergência, atuando em conjunto com o Núcleo Interno de Regulação (NIR), em parceria com a equipe médica, demonstraram, na prática, a integração da equipe multidisciplinar, visando assistir, com eficiência, pacientes acometidos por infarto.

Após o diagnóstico, o paciente do sexo feminino foi transferido, por meio do helicóptero do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), até o Hospital do Coração Alagoano, em Maceió, onde foi submetida a uma cirurgia exitosa de cateterismo. “O Bate Coração é o resultado de um grupo de profissionais do HRM com a capacidade de salvar vidas, porque estão envolvidas profissionais de diversas áreas e com a determinação de uma gestão coesa e focada”, disse a supervisora de Enfermagem da unidade hospitalar, Anália Cristina.

Atualizada em:

Leia também

Saúde

Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas

Av. da Paz, 978 – Jaraguá, Maceió – AL, 57022-050.
+55 82 3315-1102
Desenvolvido pela Gerência Executiva de Tecnologia da Informação
Governo do Estado de Alagoas ©2020-2022

Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas

Menu

Mídias Sociais